A partir da próxima semana será colocado em prática em Francisco Beltrão o projeto  AgroLive, que tem por finalidade disponibilizar para os estudantes das escolas de  campo novos conhecimentos sobre tecnologias, perspectivas e tendências de aplicações tecnológicas para melhoria do dia-a-dia no meio rural.

       A iniciativa tem parceria da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), campus local, com as secretarias municipais de Educação e de Planejamento. Será aplicado em um período de dois meses, a partir do dia 3 de setembro, com carga horária de 20 horas, com aulas à distância nas terças e quintas-feiras, das 19h30 às 21h00.

       Participarão do projeto alunos com idade de 13 a 15 anos das escolas municipais Basílio Tiecher do KM 20, Juscelino Kubitschek do Rio Tuna, Epitácio Pessoa de Seção Jacaré e Deni Lineu Schwartz de Ponte Nova do Cotegipe. Dependendo do interesse dos alunos e do aproveitamento, o prazo de duração poderá ser ampliado.

Os instrutores vão abordar os seguintes temas:

Qualidade e manejo de frutas e hortaliças na pós-colheita; aproveitamento e processamento de alimentos na propriedade rural; conservação de solo; cultivo protegido; resíduos e bioenergia na agricultura; interação solo-planta-microorganismos; clima e agricultura; empreendedorismo rural; uso de tecnologias inovadoras para otimização do trabalho no campo; uso de drones para monitoramento rural; automação e controle em propriedades; habilidade, motivação e atitude.